Marcar a agenda!

Ideias

autor

João Miguel Gomes

contactarnum. de artigos 1

Marcar a agenda! Esta é uma expressão forte que deve ser usada apenas para coisas que o mereçam. Eu vou usá-la sem medo para me referir àquela que tem sido, nos últimos meses, pólo de atração de atenções, de esforços, de sacrifícios, de motivações e de sucessos: Braga 2012: Capital Europeia da Juventude.

Enquanto Coordenador da Juventude Cruz Vermelha - Braga, mas também como jovem, tenho tido o privilégio de acompanhar de perto muitas das atividades que têm sido desenvolvidas pelas estruturas juvenis da nossa cidade, portuguesas portanto e europeias por excelência.

Uma característica salta imediatamente à vista e não consigo deixar de a mencionar neste espaço: a multiplicidade de esferas em que os jovens de Braga se envolvem ativamente: música, teatro, história, inclusão social, promoção da saúde, educação, desporto, solidariedade, consciência política, direitos humanos, voluntariado, cinema, artesanato, academia, para mencionar apenas algumas. Acredito vivamente que a grande responsável pela minha tomada de consciência desta característica fundamental é a Capital Euro-peia da Juventude. Esta visibilidade organizada do que de bom se faz na área da juventude é um valor inegável.

Marcar a agenda é isto! Tornar todos estes eventos organizados pela CEJ, conjuntamente com as estruturas juvenis, de tal maneira importantes que nos organizamos em torno deles. Da minha parte já perdi a conta ao número de vezes em que organizei mentalmente o horário das minhas refeições ou das minhas saídas ou dos meus compromissos por-que queria ver aquele evento da CEJ. Fica-me sempre a sensação de que são momentos especiais que não devo perder. Afinal, 2012 é agora!

No dia 14 de Janeiro tive o privilégio de me juntar a milhares de pessoas e assistir à cerimónia oficial de abertura da Capital Europeia da Juventude (mais um destes momentos singulares a que me refiro). Desde essa altura, que me persegue uma ideia fundamental que aproveito para partilhar. A grande mais-valia da CEJ2012 é a transformação social.

Passo a explicar: vivemos um momento exigente por variadas razões, que as pessoas comummente apelidam de crise. A CEJ tem a capacidade de juntar e envolver numa plataforma comum os esforços e os sonhos de milhares de jovens. Como todos os comuns mortais, os jovens sentem-na mas frequentemente têm dificuldade em encontrar plataformas de envolvimento onde se possam empenhar ativamente na mudança ou na transformação social, como gosto de lhe chamar. A proposta da CEJ passa também por esta proposta de envolvimento saudável com a crise.

Este empenho ativo na transformação do que vemos e vivemos para a realidade que so-nhamos é um poderoso motor de bem-estar. O envolvimento dos jovens tem sobretudo a capacidade de transformar o próprio jovem individualmente. Transformando-se individualmente transforma também toda a sociedade. Uma conclusão óbvia é que esta perspetiva vai para além de 2012. As transformações sociais e individuais que ocorrem não acompanham o relógio que trago agora no pulso; ficam e duram muito para além da conclusão deste ano.

Quero recordar aqui um senhor chamado Csikszentmihalyi, um psicólogo húngaro de que gosto particularmente, e que tem dedicado toda a sua vida à investigação dos fatores envolvidos na felicidade. Ele descobriu que aqueles jovens que normalmente se envolvem ativamente em atividades que desenvolvam o seu potencial, como é o voluntariado tão presente na CEJ, relatam consistentemente serem mais felizes. Braga Capital Europeia da Juventude é em si uma plataforma e um facilitador desta descoberta.
Boas experiências! 2012 é agora!

vote este artigo

 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

Não existem comentários para este artigo.

Últimos artigos desta categoria - Ideias

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia