Paulo Cunha: “Queremos contribuir para uma maior segurança e menor sinistralidade”

Vale do Ave

autor

Marta Amaral Caldeira

contactar num. de artigos 1674

Prevenir acidentes e educar para a cidadania na via pública são os pilares da Escola de Segurança Rodoviária de Vila Nova de Famalicão, que, ontem, foi inaugurada oficialmente no Lago Discount pelo presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha. “O grande propósito deste projecto é ajudar a sociedade a receber um conjunto de competências extremamente úteis para que no dia-a-dia possamos ter menos sinistralidade”.

A escola destina-se a crianças do 1.º ao 2.º ciclo de dentro e de fora do concelho, bastando a marcação para uma sessão formativa que pode ocorrer no horário de expediente normal.
Este é o terceiro projecto que o Museu do Automóvel agarra, depois da exposição de veículos antigos e do espaço de restauro, colhendo a parceria do Município de Vila Nova de Famalicão e de empresas locais, como a multinacional Continental Mabor.

“A dimensão pedagógica é, de facto, a dimensão essencial desta Escola de Segurança Rodoviária para que no futuro tenhamos cidadãos mais sensibilizados e informados sobre a melhor forma de utilização da via pública - que é de todos”, sublinhou o autarca Paulo Cunha.
“A segurança rodoviária é um desejo e uma ambição que nós assumimos. Queremos contribuir para uma maior segurança e uma menor sinistralidade”, referiu o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão.

“É muito importante que as pessoas percebam que há competências essenciais que aqui podem ser aprendidas para que no dia-a-dia tenhamos cidadãos melhor preparados e acima de tudo com respeito por quem usa a via pública”, indicou, apontando para a importância desta formação começar a ser feita desde bem cedo para que os resultados positivos se reflitam no futuro.
O edil famalicense confessou-se “preocupado” com a sinistralidade, não pela taxa que existe na região, mas porque no seu entender “enquanto houver um acidente, um atropelamento, um ferido - é um problema”.

Paulo Cunha afirmou que a segurança rodoviária é prioritária para o seu executivo, referindo que há iniciativas constantes para a conseguir, desde a colocação de passadeiras, semaforização nos cruzamentos ou passagens desniveladas.
Amadeu Melo e Silva, director do Museu do Automóvel, disse que “apesar da qualidade das estradas, há um grande número de acidentes e quando acontecem habitualmente são graves daí que entendemos que esta escola fazia todo o sentido e é mais uma tentativa de mudar a mentalidade através da formação teórica e prática dos mais novos, que depois podem também sensibilizar os seus pais”.

Pedro Carreira, da Continental Mabor, explicou que a empresa se associa a este projecto através do seu conceito de responsabilidade social ‘Visão Zero’. “Nós produzimos pneus, mas também desenvolvemos componentes para automóveis, onde temos um conjunto de sensores por exemplo para reconhecer obstáculos e pessoas que dão indicadores ou accionam automaticamente o sistema de protecção”.

O comandante da PSP de Famalicão, António Magalhães, destacou a “influência” que os mais novos poderão ter junto dos graúdos, no sentido de os fazerem cumprir as principais regras de trânsito ao nível da circulação nos passeios, nas rotundas e nas passadeiras, mas também ao nível do uso da bicicleta. “Quem usa a bicicleta está sujeito às mesmas regras de trânsito quando usa a via pública e pode circular a par na via, desde que não impeça a circulação normal do trânsito”, apontou.

O pequeno Rodrigo Araújo, 8 anos, disse, já depois da aula prática dentro da cidade montada na escola de segurança que “as regras são muito importantes para andar de carro direitinho”. A colega Inês Rebelo confessou ter aprendido mais alguns sinais.

vote este artigo


 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

Não existem comentários para este artigo.

Últimos artigos das categorias relacionadas

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia