Braga: Assassinado por jovem a quem tratava como um filho

Casos do Dia

autor

Luís Fernandes

contactar num. de artigos 782

Gaspar Roby entrara em paragem cardíaca quando, por volta das 20,15 horas, os Sapadores Bombeiros chegaram à Rua Adelino Arantes, em S. Vicente, para o socorrer depois de ter sido esfaqueado na sequência de uma discussão com o seu afilhado Pedro, de 20 anos de idade, no apartamento do monárquico.
Transportado ao Hospital de Braga, acabou por falecer pouco depois de ter sido levado para o bloco operatório.

A PSP foi chamada ao local, detendo o presumível agressor. Confirmada a morte de Gaspar Roby, com o consequente depósito do cadáver na morgue do Hospital de Braga para ser autopsiado, a investigação do caso está nas mãos da Polícia Judiciária.

Conduzido por inspectores da Polícia Judiciária ao Tribunal Judicial de Vila Verde, o suspeito foi submetido a um primeiro interrogatório perante o juiz de turno de instrução criminal durante a tarde e ontem.
No final, como medida de coacção, o juiz determinou que o jovem Pedro ficasse a aguardar o seu julgamento em prisão preventiva pela autoria de um crime de homicídio.

O que levou ao crime não se sabe. Nascido no seio de uma família problemática, Pedro foi acolhido por Gaspar quando ele tinha três anos de idade, em regime de tutela legal. Ao longo dos anos, o afilhado era tratado por Gaspar Roby como se fosse seu filho.

António Machado chocado

António Machado, presidente da Direcção dos Bombeiros Voluntários de Braga e da Junta de Freguesia de Fraião, corregionário político de Gaspar no Partido Popular Monárquico, disse-nos estar “triste e chocado” com a notícia. Como militante do PPM, Gaspar Roby lutou pela democracia antes e depois do 25 de Abril.

vote este artigo


 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

à famíla Roby

28 de Outubro de 2012 às 13:39h por vaz

Manifesto a minha perplexidade perante este ato e deixo desde já os meus sentimentos à família de Gaspar Roby e muito especialmente ao meu ex-colega Nuno e ao Pedro.

Últimos artigos das categorias relacionadas

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia