Negócios em Esposende subiram 20% no verão de 2016

Vale do Ave

autor

Redacção

contactar num. de artigos 33997

Esposende está acima da média de crescimento nacional, revela um estudo recentemente publicitado pela Associação Comercial e Industrial do Concelho de Esposende (ACICE). Os resultados confirmam o quão assertivas têm sido as opções da Câmara Municipal de Esposende, conciliando a programação de verão com a dinâmica comercial local. A provar esta tese está o facto de o mês de julho ter sido aquele que registou o maior aumento do volume de negócios, precisamente porque o Município alargou a esse mês a sua programação de verão.

Para além da importância que estes dados refletem na economia local, deve atender-se a um fator social de maior importância. Os empresários entrevistados dizem ter contratado mais empregados, por via do aumento da procura e, apesar de sazonal, 250 pessoas foram contratadas, tendo 20% dos empresários revelado intenção de manter esses novos trabalhadores.
O estudo foi efetuado junto de 115 empresas associadas da ACICE que atuam na área da hotelaria e restauração, comércio alimentar e não alimentar, confirmando as “tendências” trazidas à evidência pelos agentes que atuam no concelho de Esposende. Os dados revelam o crescimento de 20% no volume de negócios, durante a época balnear de 2016.

Este inquérito trouxe à evidência a correção da estratégia adotada pelo Município de Esposende que, na ACICE tem encontrado um aliado para muitas realizações, como o caso da Feira Medieval ou a Festa dos Anos 80 que assumem grande preponderância na programação de animação de verão.
80% dos empresários inquiridos afirma, taxativamente, que o volume de negócios registado no passado verão foi superior ao verificado em período homólogo de 2015 e, para além dos benefícios diretos, destacam o impacto positivo que esse crescimento tem no negócio. 83% dos questionados afirma mesmo que os eventos de verão têm grande impacto na economia local
Esta consulta feita juntos dos empresários esposendenses permitiu auscultar as opiniões de quem acolhe o público. Por isso, durante a realização do inquérito foi frequente ouvir expressões como “foi o melhor verão dos últimos anos”, Esposende nunca teve tanta gente como neste verão” ou “este foi o melhor verão desde o início da crise”.

O programa “Esposende Verão 2016” projetou mais de cem eventos de animação, cultura, desporto e lazer, distribuídos pelos meses de julho, agosto e setembro. Este programa inseriu-se no Plano de Desenvolvimento Turístico e, consequentemente, económico, para Esposende, na medida em que vai ao encontro das estratégias que visam afirmar Esposende como um município turístico, confirmando-se pelos dados agora revelados.

“O nosso objetivo visa criar no concelho um movimento catalisador de novos públicos, que vão trazer certamente novas dinâmicas ao comércio e aos serviços locais. É uma oferta cultural que pretende também assumir junto dos turistas um motivo forte para optarem por Esposende como um destino de férias”, sustenta o presidente da Câmara Municipal de Esposende.

*** Nota da C.M. de Esposende ***

vote este artigo


 

Comente este artigo

Faça login ou registe-se gratuitamente para poder comentar este artigo.

comentários

Não existem comentários para este artigo.

Últimos artigos das categorias relacionadas

Tempo

Classificados

Edição Impressa (CM)

Edição Impressa (MF)

Newsletter

subscrição de newsletter

mapa do site

2008 © todos os direitos reservados ARCADA NOVA - comunicação, marketing e publicidade, S.A. | concept by: Cápsula - soluções multimédia